RSS

Arquivo da categoria: trapiches

2ª CONFERÊNCIA FÍSICA DO PROJETO MACABÉA em BH com macabeagás

2007-12-26-009.jpg2007-12-26-0082.jpg2007-12-26-0082.jpg2007-12-26-0082.jpg

Alê Quites, Milla Loureiro, Ana Letícia e João Lenjob  

A 2ª CONFERÊNICA FÍSICA DO PROJETO MACABÉA, realizada em Belo Horizonte, dia 26/12 das 20:00h até a polícia chegar, foi sediada na casa da Alê Quites.

Estiveram presentes: a presidente Ana Letícia, Alê Quites, Gabriela Yu, João Lenjob e os colaboradores Milla Loureiro, Mariana Tibo e da jornalista Julia Guimarães.

Iniciamos a conversa meio a bombardeios de idéias, imagens, planejamento de metas, personagens, quebra de manuais de entrevistas, apresentando contatos de artistas regionais, lugares e grandes nomes da nossa cultura. Tudo temperado com vinhos, queijos, presunto e cigarro de palha. A turma do MacaBHea é boa de prosa e golo.

O João, figurinha rodada e conhecida de BH, em diálogo com a Julia e outros participantes, pode entrelaçar seus planos e desejos a realidade de produzir boas matérias. A Julia fez teatro no Palácio das Artes, é formada em jornalismo, trabalha no Jornal O Tempo e no Jornal da Pampulha, além de fazer algumas matérias para revistas. Ela conhece alguns dos profissionais que buscamos e até a idealizadora dos site MENINAS e se propôs ajudar-nos.

2007-12-26-009.jpg
Gabriela Yu, Alê, João e Mariana Tibo

Falamos da necessidade de unirmos forças e cabeças para produzirmos matérias completas, interessantes e à moda Trapiches.

A Yu falou da sua dificuldade em montar o site do Projeto, da sua preocupação com a identidade visual da revista e da necessidade de encontrarmos pessoas comprometidas com o desenvolvimento da revista virtual.

Ressaltamos que as matérias produzidas em Belo Horizonte, levarão em grande maioria, o nome de todos os membros de BH. Firmamos a necessidade de trabalharemos em conjunto para produzirmos matérias mais completas. Ex: Se falarmos do pastel de angú da Dona Dalva, um providencia as fotos, outros a entrevista aos clientes, outros a história da receita e assim por diante, etc.

Falamos da eliminação de barreiras entre literatura e artes e da necessidade de trabalharmos temas regionais e nacionais, em todos os campos permissíveis da arte.

Trocamos idéias sobre as complicações encontradas nas reuniões via MSN, mas buscamos centrar nosso encontro na produção e na troca de conhecimentos. Os membros de “MacaBHea”, em maioria, foram unidos pelo Projeto Macabéa e até a conferência física, muitos só se conheciam via internet. Lamentamos a ausência da Lais(O João e a Ana conheceram-na pessoalmente em um bar no sábado passado).

As entrevistas aos artistas colaboradores terão início na próxima semana e as pesquisas e contatos já iniciaram.

Por Alê Quites

 
1 comentário

Publicado por em janeiro 2, 2008 em bh, conferencia, macabea, trapiches

 

TRAPICHES, O POEMA por Paulo DAuria

Abraço a todos!

Trapiches trapézios entre a terra e o mar, Linha de pescar trapizongas no cosmo, Cosmopolita zurrar, Zorra no cosmódromo, Pó de estrelas, Pó de arroz, Cais do caos.

 

Tra-pixote chupando picolé,

Cabloco coçando o pé,

Folk-lore,

Urbs-lore,

Urblore.

Piracema tra-pirética,

Pororoca tra-pirática à beira do ar,

À beira do espaço sider-all.

 

Atracadouro,

Atraca ouro,

Atraca all,

All q mia,

Que late,

Que ruge,

Q-bom,

Q-boa,

Q-suco,

Garapa no quilombo,

Batucada na congada,

Jegue na jangada,

Mula desempacada.

Balaio de mico-leão listrado, de gato, de cão vira-lata na raça.

 

Abracadabra,

Farol que surge tra-pichando mil mega píxels no muro das idéias, Ar-chote, xote, xaxado, Achado.

 

Armazém, arma-cem,

Dispensa indispensável,

Trampolim fígado e rins,

Swimming pool cérebro e vísceras,

Maníaco do parque com Jack the Ripper,

Brainstorming com Bram Stoker

Destrinchando,

Reliquidificando,

Canibalizando,

Regurgitando

Engenho e arte.

Caldeirada do diabo,

Botocuda na caruda,

Mungunzá com quiabo.

A canção que Maria oferece a João.

 

Colcha de retalhos,

Filha de Macabéa com Jerico,

Diga ao povo que fico.

 

Você já leu a Trapiches, nego?

Não?

Então lê!

 

Paulo DAuria

http://paulodauria.zip.net/

 
6 Comentários

Publicado por em dezembro 22, 2007 em poema, poesia, trapiches